Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Domingo à tarde

Não gostas, queres ver!

Domingo à tarde

Não gostas, queres ver!

24
Dez17

Era só o que me faltava

David Marinho

E eis que a véspera mais aguardada do ano me traz o problema mais inesperado do ano: princípios de constipação, gripe, flagelo, calamidade. Só de sentir a garganta irritada faz-me temer o pior, e é por isso que me vou isolar do mundo com fita isoladora (claro), numa câmara fechada,  insonorizada para a bicharada não se fazer ouvir e apanhar outras pessoas. Aliás, a garganta é para mim sinal de tudo o que é mau.

 

Conclusão 1: sou homem e naturalmente estou a falecer. Se assim não fosse, estaria a destruir aquilo que é a harmonia do pensamento humano e das sociedades em geral.

 

Conclusão 2: Agasalhem-se! 

23
Dez17

Última hora: feridos nesta quadra natalícia

David Marinho

Sábado, 23 de Dezembro. A quem faltar algo para o Natal desejo muita sorte, muita paciência e sobretudo compaixão pelo outro, pela sua própria vida. 

Não será tarefa fácil a guerra civil que se vai instalar num Hipermercado, Fórum, Centro Comercial, Lojinha, Lojona e Lojão (existem estes nomes? Doesn't matter, YOLO, YOGA, Jesus, Merry Motherfucker Christmas). Teremos feridos, homens e mulheres que cairão sem dignidade - principalmente o homem que não aguentará mais do que 15 minutos enfaixado entre a secção dos congelados, numa fila para a caixa.

Por isso resta-nos rezar, dizer que Natal não é isto e admitir que temos um caminho longo pela frente, no que toca ao combate ao consumismo, ao histerismo e ao coise.

Repitam comigo, enquanto estiverem nas compras;

- Ai...que estou todo turbinado. 

- Ai...Olé...que eu estou todo turbinado.

 

Agora em loop, pode ser?

Boas compras, corajosos. 

22
Dez17

Deixem o velhinho dormir, porra

David Marinho

Vou-vos confessar algo que, mesmo tendo demonstrado inúmeras vezes, nunca falei sobre isto mas...quando estou demasiado cansado, dá-me para perder a compostura e rir de tudo. Do tipo:

- Olá David, 'tá tude?

- Está, saí agora do trabalho, vou para casa.

- Que horror, horários de merda mesmo.

- Pois é... (aqui começo a desligar o disjuntor)

- Nem sabes, o António anda estranho comigo, ando super triste.

- AHAHAHAHAH

- Estás a rir de quê?

E basicamente é isto. Raramente estou demasiado cansado mas chega a ser desagradável.

Solução: é deixar o velhinho ir dormir. É que não sou velho,atenção, mas tenho um corpo que necessita de cuidados redobrados no que toca ao sono, que nunca teve. E depois disto, ainda existem algumas situações que me desgraçam o sono todo, e dos quais muitos de vocês (quero enganar quem...dois dos três que me lêem, para ser mais preciso) vão perceber:

 

  1. Comer antes de dormir é meio caminho andado para sonhar com acidentes, bombas, demónios, maratonas, enfim, tudo o que possa cansar o cérebro;
  2. Trazer "trabalho de casa" é péssimo, nem vou conseguir dormir sequer;
  3. Sons, vozes e barulho naqueles momentos que antecedem a minha ida à profundeza dos sonhos. Não dá, depois de ir podem fazer o barulho que quiserem, até lá...santa paciência.

E é isso. São 4 da manhã. Fresco que nem uma alface.

O que procuras?

Autor disto

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagram

Blogs Portugal

O que já foi escrito

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D