Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Domingo à tarde

Não gostas, queres ver!

Domingo à tarde

Não gostas, queres ver!

04
Jan18

Acordei burguês

David Marinho

Hoje acordei burguês, endinheirado até ao tutano, com posses por todo o lado desde Lisboa até aos campos de Caneças. Perguntar-me-ão, não sem antes com uma tremenda delicadeza e um sentido apuradíssimo de respeito: "Mas Conde David, o que o faz sentir-se uma figura exemplar e seguidora dos mais altos valores da sociedade?" e eu direi com palavras caras: "Porque sim." apagando o meu cachimbo, pondo no bolso o meu monóculo, que um dia haverá de ser apanágio dos Presidentes da República (quando a monarquia cair).

Na verdade estou a beber um café no cinema de São Jorge, em plena Avenida da Liberdade em Lisboa. Este acto de existir para um simples café é qualquer coisa de extraordinário.

Um dia convido os meus semelhantes, vossas excelências, para uma conversa neste espaço, ao qual darei o nome de "Conversas de Conde ao São Jorge" - aproveito e vou já ao notário, ate já.

IMG_20180104_091555.jpg

 

23
Set17

Não há nada como a nossa casa

David Marinho

Percebi nesta viagem ao país vizinho que o sentimento que temos por Portugal é muito semelhante ao que temos numa qualquer relação. É quando passamos o dia sem ver a pessoa amada é que percebemos que nos faz falta, que se calhar os defeitos que advém da rotina, do hábito, da comodidade afinal era por causa disso. Soube bem chegar a Vilar Formoso e sentir o cheirinho a Portugal, da sua comida, do seu café, do jeitinho bem português de ser. Não encontrei nada disto em Espanha mas sim um país que vive mecanizado,  onde tudo tem hora para acontecer. Menos humano e muito diferente do que estou habituado. Mentira, o hábito deles de sair do trabalho e irem beber um copo agradou-me. Nisso eles vivem mais do que nós, que morremos a partir das 18h. Mas Portugal...é Portugal!  

04
Set17

Estou a meio de uma combustão mental

David Marinho

Quando inventei o nome do blogue, foi exactamente para combater esta depressão que é passar para uma Segunda-feira. O primeiro dia da semana é demasiado lento, pastelão, que sai da cama vindo de um coma profundo. Ninguém acredita, porém...ninguém lhe acha rigorosamente piada nenhuma. Ninguém faz nada de jeito, os cafés são mais longos, o pequeno almoço é tomado com metade da visão, sendo que essa metade é turva e remelosa.

Passar de um estado de euforia para um estado de completa combustão mental dista 3 dias, porque as Sextas são autênticas farras emocionais e hoje...bem, o importante é ter saúde.

E quando acordei às 5h30, só pensava em como conseguir segurar pálpebras que me pesavam na altura 2 toneladas. Agora estão mais leves com 2 cafés mas pesam, pesam tanto.

 

Boa semana!

 

O que procuras?

Autor disto

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagram

Blogs Portugal

O que já foi escrito

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D