Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Domingo à tarde

Não gostas, queres ver!

23.03.18

Como reajo às emoções

David Marinho
Não sei reagir perante as emoções. Quer dizer, até sei, mas a voz embarga, o olhar baixa e fico constrangido. Sinto sempre, perante o elogio ou recompensa, que nunca mereço ou nunca mereci nada daquilo. Sinto sempre que vivi sempre na concordância das coisas, na sorte da vida, e que os planetas e sóis se alinharam todos para que as coisas acontecessem a meu favor.Não acho que seja auto-confiança destruída, mas é certamente nessa auto-confiança refinada que me vou erguendo e (...)