Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Domingo à tarde

Senta-te, desfruta e serve-te enquanto vou ali fazer uma sestinha

30.Ago.18

Muda-te ou muda alguém

David Marinho
Não há nada de errado em acreditarmos em nós. Em acreditarmos com uma força tal que possamos cair no erro de nos sentirmos egocêntricos, egoístas. É que 100% das mudanças que queremos implementar no Mundo, terão (ou deveriam) de ser uma realidade em nós, porque o nosso conhecimento absorve o que vê ou o que nos ensinam. Não há outra forma de saber: ou disseram-nos ou vimos. E acontece isso com crianças também. Não há feitiçaria, pozinhos que de repente se transformem em (...)
18.Mai.18

Só os tontos acreditam em tudo o que lhes dizem

David Marinho
Não sei se é por respeito ou por vaidade, mas acreditam e seguem o seu caminho como se nada fosse. Eu tinha um amigo meu (e o leitor agora irá pensar erradamente: "é amigo teu, é...". Mas era mesmo) que tinha uma capacidade espantosa para ser demasiado boa pessoa. Tudo era uma dádiva de Deus, as pessoas eram de uma bondade estratosférica, as suas ideias eram autênticos Ferrero Rocher. E até havia quem lhe dissesse que a vida não é assim tão bonita, que era vê-lo logo de (...)
04.Abr.18

Porque defendo o direito à escolha

David Marinho
A vida desgasta muito porque é vivida com pessoas totalmente distintas de nós muitas vezes. E essa distinção obriga-nos a aprender a lidar com os outros de formas que achávamos ir totalmente contra tudo aquilo que acreditamos - e vai, muitas vezes também. As pessoas na sua generalidade não se apercebem, mas impomos (ou queremos impor) o nosso cunho pessoal em tudo, quer na educação dos nossos valores, quer nas nossas ações, na forma de pensar, tudo. E impor isso a pessoas que (...)