Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Domingo à tarde

Senta-te, desfruta e serve-te enquanto vou ali fazer uma sestinha

25.Fev.18

Odeio fruta quente mas...

David Marinho
Ultimamente tenho vivido um certo terror, que é o de não ter argumentos suficientemente fortes para derrubar a expressão "a tua palavra contra a minha". Nós, desculpem generalizar, tendemos a querer que a nossa opinião seja a mais válida, e isso prende-se com o facto de sermos seres que necessitam da aprovação emocional das pessoas. É bom ser reconhecido por guiarmos alguém, porque isso nos torna úteis, mas há 3 grandes temas que se destacam e que dificilmente deixaremos de ter (...)
22.Ago.17

Fui vítima de Bullying

David Marinho
Ontem fui vítima de Bullying.Ontem, por volta das 18h35, fui vítima brutal de bullying por não ver Game of Thrones. Estou neste momento em casa, visivelmente assustado, perturbado por toda esta situação a tentar encontrar um site onde possa, com todas as minhas fraquezas, finalmente ver essa tão aclamada série de televisão. Fui burro, eu sei. Fui burro em não ter ligado para a polícia, mas tive receio que ao ligar eles me prendessem, não pelo acto que me estavam a cometer, mas (...)
17.Ago.17

Da saga: "Liberdade de expressão no Facebook?"

David Marinho
Tenho Facebook, e sim, quase que apetece perguntar: quem não tem?E ponderei muitas vezes abandonar aqui, não só porque lhe faço muito pouco uso mas porque não suporto o que o Facebook fez às pessoas, às sociedades, ao mundo em geral. As redes sociais permitiram disseminar a frustração de cada um, os complexos de cada um, e que deu à palavra "linchamento" um significado universal, despropositado e desproporcional para a realidade. Eu sinto, sinceramente, que permitiu revelar o (...)